Janeiras

sábado, 7 de janeiro de 2006


A tradição de se cantar as janeiras ou os reis, é já muito antiga, remonta ao início do cristianismo. Era uma tradição que visava cantar e louvar os reis por terem ido ver o Deus menino...
Ainda hoje se mantém essa tradição espero que por muito tempo. É importante manter estas tradições que são tipicamente portuguesas, onde se cultiva o convívio e a alegria.
Mas é com grande tristeza que vejo esta tradião menosprezada pelos mais novos, em prol de outras.
Uma muito parecida é aquela importada da América em que os miúdos vão de casa em casa vestidos e pintados de maneira a meter medo a toda a gente, para pedir rebuçados e dinheiro. Nessa noite, nenhum tem medo, vergonha ou frio para irem de casa em casa até altas horas da noite, no entanto, agora é uma vergonha muito grande ir cantar os reis.
Quem é que acha bonito um grupo de garotos, mascarados, pintados e mal vestidos a andarem pela rua, numa figura dantesca que faz mesmo lembrar que as bruxas estão por toda a parte? E pelo contrário não acha bonito, um grupo de crianças, jovens e adultos com uma guitarra e demais instrumentos, num convívio ameno, a passearem-se pelas ruas de porta em porta, saudando as pessoas e convivendo com elas?
Que ninguém me venha dizer que a pseudo-beleza das modernices importadas da América é mais bela do que as nossas tradições milenares...
Mas infelizmente, o que vejo é que, tal como as nossas aldeias estão condenadas a desaparecer, também estas lindas tradições parecem estar a desaparecer e ficar apenas nos papeis e na memória do mais velhos...

2 Disseram...:

Paula Raposo disse...

Cada povo tem a sua cultura, as suas tradições. Acho bem que se preservem. Beijinhos, bom fim de semana.

Patrícia Chaparrínho disse...

E como essas canções são encantadoras... aprendi-as em criança e nunca me esqueci delas. O meu aniversário é na véspera de reis, e o meu bolo de aniversário é quase sempre um bolo rei. Tenho um grupo de amigas que gostam de se juntar para ir cantar os reis, é muito giro! Vamos pela vizinhança fora cantando. Mas a verdade é que realmente hoje em dia já quase ninguém dá importancia.