Um quadro - uma vida

terça-feira, 23 de outubro de 2007


Um quadro branco em branco.

Nada escrito, nada para contar.

Uma caneta, cheia de tinta.

Um apagador, pendurado, pronto a limpar.


De frente para ele.

Uma pessoa faminta.

Tanto para contar, tão pouca coragem.

Tanto dele,

Tão pouco espaço.

Para tudo partilhar.


Uma palavra,

Uma vida,

Uma história,

Uma decisão.

No centro escrevo:

"A vida, é apenas, as decisões

Que tenho coragem para tomar..."



Ps: mais uma incursão pela poesia... Não sou grande coisa, eu sei, mas pelo menos tentei....


10 Disseram...:

Paulo disse...

Mas diga-se de passagem que tens alma de poeta, continua que vais lá. Já agora vou linkar-te:)

Paula Raposo disse...

Não digas isso. É mais que uma tentativa. Gostei de te ler em poema. Muitos beijinhos.

Sandra Dantas disse...

Se isto é só uma tentativa...
Gostei,podes continuar!

Um grande abraço amigo!

Pe. Vítor Magalhães disse...

Gostei muito,... mas não sabia esse teu toque!

Fallen Angel disse...

Muito sinceramente, gostei.

pe.cl disse...

Fazer poesia é deixar que a alma verta em palavras os sentimentos que inandam o nosso ser. Continua que vais no bom caminho.

Abraço no Pai.

pe.cl disse...

Onde se lê "inandam" deve ler-se inundam.

~the girl with no name~ disse...

'Não sou grande coisa' ?!!

Acredita que és... está fantástico! :D

Flôr disse...

Eu também não percebo nada de poesia.... mas gostei muito desta que fizeste... porque "sinto" a tua alma ao lê-la.... deves continuar! Estarei aqui para te "escutar"....

Tens postado com regularidade, fico contente, será que voltaste mesmo? eheheh


Fica o meu abraçinho amigo em tu

:))

Flor

Daniela rico disse...

Ja a muito que não vinha ca, com imensa pena minha, e logo o primeiro que li encantou-me, acredita tens imenso talento...
Bjs