Caminhos e encruzilhadas

sexta-feira, 24 de outubro de 2008



A vida é um constante caminhar, mas por caminhos ainda não trilhados. Não temos GPS nem mapa, apenas uma bússola que nos indica o Norte, para o qual nos dirigimos. Ao longo deste caminho passamos por várias encruzilhadas. Aí, optamos por um dos lados. Não somos obrigados a acertar naquele que escolhemos, apenas obrigados a optar. Se optarmos sem olhar para trás, ainda que no enganemos, podemos a meio corrigir a nossa rota e voltar para a direcção que realmente pretendemos, contudo, se passo após passo pararmos a olhar para trás, avançamos muito menos, o pânico vai tomando conta de nós, a escolha errada a bloquear-nos, a incapacidade de reatar o caminho correcto torna-se cada vez maior. Acabamos por nos acomodar ao trilho que afinal até não queríamos e vamo-lo percorrendo sem a alegria que está inerente ao caminhar na direcção correcta. Assim, sempre que nos voltamos a identificar com o caminho que temos debaixo dos pés a alegria volta aos nossos corações.

É também necessário ter em conta que nem sempre o trilho mais fácil é o caminho que nos faz felizes. Mas que, quando somos e estamos felizes as dificuldades parecem menores e até o mais duro dos caminhos nos faz sorrir com uma alegria única.

5 Disseram...:

Paulo disse...

Realmente, quando estamos felizes, melhor dizendo, quando nos sentimos felizes, a vida não tem espinhos ou, se os tem, passamos ao lado sem nos magoarmos.

Marco Rebelo disse...

boa imagem :)

Paulo disse...

Desejo-te um Santo Natal e que o ano de 2009 te traga tudo o que desejas.

Carreira disse...

Bom 2009!!!
Abraço,
José Carreira

elsa nyny disse...

Amigo!
Saudades de ti!!
Venho desejar-te um exceçente ano de 2009!

Bjtssssssssss