Um grande fim de semana

terça-feira, 11 de abril de 2006



Este foi um fim de semana, como há muito não tinha. Foi passado em Fátima, num encontro chamado, Páscoa Jovem. Um encontro realizado e organizado pelo MJS (Movimento Juvenil Salesiano). O tema central do encontro foi: “Ser amado e amar, a sexualidade à luz da Páscoa de Jesus Cristo.”
Confesso que quando soube o tema pus algumas reticências, sobretudo com medo à maneira como seria apresentado, pois este é um tema que facilmente cai no ridículo. No entanto após este fim de semana eu posso dizer que o tema foi extremamente bem trabalhado e apresentado…
Posso resumidamente explicar que durante este fim de semana, percebemos a diferença entra sexualidade “comercial”, aquela que a sociedade consome e impinge em maior abundância, onde não há sentimento, não há preocupação pelos outros, onde só nos importamos connosco, egoísta e egocêntrica. E uma sexualidade, especial, diferente, que podemos atingir, sendo fieis, amando o outro, onde haja amor, afecto, sexo, se vivendo com o outro e para o outro, jjuntarmos a presença de Jesus Cristo na relação, aí, atingimos o pleno.
Abordamos a questão da castidade, de sermos castos em relação a outras possíveis relações exteriores àquela que estamos a viver.
Percebemos que o nosso corpo é sagrado, tal como o da outra pessoa, e por isso deve haver uma perfeita identidade e comunhão para com a outra pessoa.
Para acabar deixo uma oração que me marcou muito:

Ama, porque a vida sem amor não vale nada.
A justiça sem amor, torna-se inflexível.
A inteligência sem amor, torna-te cruel.
A amabilidade sem amor, torna-te hipócrita.
O sexo sem amor, torna-te objecto.
A fé sem amor, torna-te fanático.
O dever sem amor, torna-te mal-humorado.
A cultura sem amor, torna-te distante.
A ordem sem amor, torna-te complicado.
A perspicácia sem amor, torna-te agressivo.
A honra sem amor, torna-te arrogante.
O apostolado sem amor, torna-te estranho.
A amizade sem amor, torna-te interesseiro.
O possuir sem amor, torna-te avarento.
A responsabilidade sem amor, torna-te implacável.
O trabalho sem amor, torna-te escravo.
A ambição sem amor, torna-te injusto.
Procura, portanto, amar sempre.



*depois conto como foi, as relações pessoais, ou seja a melhor parte...

7 Disseram...:

isa xana disse...

ainda bem que gostaste de ir*

Paula Raposo disse...

Que bom que foi importante para ti esse fim de semana, esse encontro, essa comunhão. Beijos para ti.

marcia* disse...

olá:) tanto tempinho~~ espero que estejas bem*
ainda bem q gostas.te, deve ter sido muito bonito=D falaram.me desse encontro_
beijinhO^^
vai dando noticias a mim,sim? :)*

menina graça disse...

Se te fez bem, se gostaste, óptimo! É isso que todos devemos fazer: seguir o que nos põe de bem connosco. :)
Boa Páscoa!

Kalinka disse...

Estava a precisar também de um retiro espiritual para afrouxar mas baseado noutro tema, esse tema não me parece interessante, para mim. Neste momento da minha vida, preciso de outros temas com outro género de conteúdo, mas ainda bem que gostaste e espero que tenhas tido uma Páscoa Feliz.
A vida regressa ao normal...
Beijokas.

disse...

Sarda?
Tá-se!
D'abraço!

nêsona_princess disse...

Sem dúvida, um grande fim de semana! Não propriamente para descansar mas para crescer...crescer enquanto pessoa, filho/a de Deus; enquanto membro de um grupo e principalmente, crescer com o outro e para o outro! Mesmo com trabalho, o espirito e a mente ficaram apaziguados e mais abertos para a recepção de Cristo Ressuscitado! =)
Foi muito bom conhecer te e poder passar bons momentos junto a ti...
Espero ver-te dentro de 15 dias no Dia Nacional MJS, em Fátima!
É um prazer fazer caminho ctg! Força aí, miúdo ;)
Beijinhoooooo ******** nes:)