Estrela

segunda-feira, 11 de dezembro de 2006

Ando pela noite, viajando pelo escuro, absorvido pela escuridão! Daqui de dentro do autocarro pouco se vê, apenas aquilo k as luzes, dos carros que connosco se cruzam, vão revelando!
Ao longe um aglomerado de luzes, uma aldeia talvez, lá a vida corre, as coisas acontecem! As pessoas passam pela vida, aqui sentado neste banco são as coisas k passam por mim, é a vida que passa por mim, quieto, parado, imóvel!
Mas espera… Agora há uma estrela mais forte que rasga a escuridão do céu, linda, brilhante, cintila e parece sorrir...de repente, todo o céu parece alegrar-se ,agora as estrelas sucedem-se, são tantas afinal...
De repente percebo que as estrelas sempre lá estiveram, e o pior de tudo, á minha vista, mas eu ia de tal forma mergulhado na escuridão que nem as via.
Ás vezes no vazio da escuridão, apenas precisamos de ver esta estrela brilhante, porque depois todas as outras aparecem em catadupa!!!
Acontece isso connosco, quando estamos tão mergulhados nos problemas, nos stresses, nas correrias, na escuridão da noite, que não reparamos naquela estrela tão brilhante e sorridente que nos persegue. Mas… Quando reparamos nela, toda a nossa vida dá um grande pulo, tudo se transforma, tudo muda, tudo brilha e adquire um novo simbolismo, uma novo fulgor, uma nova vontade… Então fazemos as mesma coisas que fazíamos na escuridão, mas de forma mais bela, mais feliz, com outra cor.
O que é importante é que nos momentos escuros da nossa vida, nos lembremos de olhar para o céu, de procurar a estrela brilhante, de termos coragem de olhá-la fixamente e de depois de desviarmos o olhar dela, conseguirmos ver todas as outras que a rodeiam e que iluminam as nossas trevas…
Cada um que interprete a estrela brilhante ao seu gosto, não quero prender as vossas estrelas, quero deixar o vosso céu livre e brilhante…
Se quiserdes podeis partilhar com os outros o que serão essas vossas estrelas brilhantes, era um exercício engraçado ;)

5 Disseram...:

Paula Raposo disse...

Bonitas as tuas palavras...gostei de te ler. Vou tentar encontrar a minha estrela. Beijos para ti.

Carmen disse...

Gostei muito do que acabei de ler...reflecte aquilo que se está a passar comigo nos últimos tempos.
Pena que ainda não consigo ver essa "luz"!Beijinhos

Diabólica disse...

Lindo, Catarino.
Gostei muito do teu texto. No entanto, neste momento a minha vida está às escuras. Desejo muito encontrar essa"luz".
Mas, só o facto de ler este teu maravilhoso texto já me deu algum alento para continuar à procura.
Obrigada, pelo carinho com que escreves para todos nós.

Desejo-te ainda um santo e feliz natal.

Beijos.

Catarino disse...

Paula, Carmen e Diabólica....
Todas vós andais à procura da luz, procurai, bem porque ela está de certeza à vossa frente, perdida na imensidão da escuridão e no barulho do Natal...
Ela está bem dentro de vós, do vosso coração, onde barulho nenhum, stress nenhum pode entrar...
Beijos para todas e bom NAtal...

Flôr disse...

Catarino, passo rapidinho para te deixar o meu desejo para o novo ano que se aproxima!

Que 2007, seja repleto de muita PAZ, SAÚDE, ALEGRIA, LUZ E MUITO AMOR, para ti e para todos os que amas, são os meus desejos sinceros.

Tudo de bom para ti e que Jesus ilumine sempre o teu caminho.

Fica bem e até para o ano..

Beijinho da amiga Flor :D