Férias

sexta-feira, 3 de agosto de 2007


Agosto, o mês de férias por excelência. Há cidades que param, que ficam praticamente desertas. As filas de trânsito desaparecem dos grandes centros urbanos como são o Porto ou Lisboa. Os trabalhos ficam praticamente parados, sendo apenas assegurados os serviços mínimos.
De facto, as férias são fundamentais para o equilíbrio físico, psíquico, e até afectivo das pessoas. É neste tempo que as famílias passam mais tempo juntas, que há uma maior convivência, em que se conhecem melhor.
Lembremos os nossos emigrantes que regressam após mais um duro ano de trabalho. Muitos deles revêem os filhos que, pelas mais diversas circunstâncias, ficam entregues aos cuidados dos avós. É uma grande alegria este (re) encontro. Aqueles que têm os seus filhos com eles, têm igualmente motivo para este retorno: ou são os pais que anseiam o seu regresso, ou os amigos que já há tanto tempo se não vêm, ou os irmãos, ou até o próprio sentimento telúrico, a saudade da sua terra natal, da sua pátria.
Que grande alegria inunda os corações de tantas mães e pais ao verem regressar os seus filhos e netos. Em muitos casos passa-se um ano inteiro à espera deste mês; para muitos o ano é Agosto e o resto acrescento que custa uma eternidade a passar.
Não importa o cansado de doze ou mais horas de viagem, o importante é reencontrar a família e os amigos, o importante é chegar à terra…
As ruas das nossas cidades inundam-se com os emigrantes, são eles que evitam a desertificação das cidades do interior nesta época. Mas, fazem ainda melhor para as aldeias; dão-lhe outra vida, outra garra, rejuvenescem as ruas, as casas, os cafés, os bailes, as festas… De desertas e desertificadas, as nossas aldeias passam a estar habitadas, passam a ter gente, passa a haver alegria, ruído, felicidade, resumindo passa a haver vida.
É neste mês que as famílias aproveitam para mudar de ares, para se relacionarem. Uns escolhem a praia, outros escolhem o turismo rural. Uns escolhem o nosso país, outros preferem conhecer o estrangeiro. Uns procuram divertimento, outros sossego. É nesta dicotomia que se vive este mês. Mas, no fundo, todos nós procuramos recuperar forças para mais um ano de trabalho que se avizinha. Procuramos restabelecer os nossos índices de energia para nos podermos entregar, revigorados, ao trabalho. É por isso que é tão importante este mês, é por isso que são tão importantes as férias.
Não devia ser permitido haver alguém que não gozasse férias, ainda que não saísse da sua área de residência, mas o simples facto de não ter horários a cumprir, de não ter responsabilidades, de estar descansado é suficiente para se revigorar uma pessoa.
Gozemos este mês de forma consciente e conscienciosa. Aproveitemos para descansar realmente. Para recuperar forças. Para ficarmos mais maduros e ao mesmo tempo amadurecer os laços familiares.
Sejamos felizes, verdadeiramente felizes sem excessos ou abusos.

8 Disseram...:

elsa nyny disse...

Deixei-te um abraço no meu cantinho!!

bEIJINHOS

elsa nyny disse...

Voltei!!!!
O meu coração espera lá por ti!!!

Beijinhos!!!

Flôr disse...

Oi amigo :D

A imagem que nos deixas no post de hoje, é paradisíaca!!! Que água límpida... que bom aspecto... onde fica?

Sabes, eu particularmente não gosto de gozar férias no mês de Agosto... é o mês de maior calor, o mês da confusão.... o mês onde somos pior servidos nos restaurantes... o mês onde tudo é mais caro.... não gosto de Agosto para gozar férias... gosto de Agosto para trabalhar... afinal, é o mês em que não se faz praticamente nada na empresa onde trabalho À 18 anos porque... 80% dos trabalhadores estão de férias!!! ahahaha


Catarino, deixo-te um abraço bem apertadinho e votos de que tenhas umas óptimas e merecidas férias! :)

Que Deus te proteja e guarde durante as férias... vai e vem.... com ELE!


Flor

Belzebu disse...

Não iria tão longe! Alguns excessos e abusos fazem todo o sentido nesta altura, já que as privações e a responsabilidade, nos castram 11 meses por ano! Julgo que algumas loucuras, são justificadas e merecidas, desde que as nossas loucuras não prejudiquem ninguém!

Desejo-te umas excelentes férias infernais e que possas fazer muitas das coisas que o resto do ano não permite!

Um abraço infernal!

Flôr disse...

Vim "espreitar" o teu cantinho... nunca se sabe!!! com o dono de férias!... ehehe

Continuação de umas boas férias e não te esqueças de te divertires.

Abraçinho cheio de Sol e... garotas giras! ehehehe

Flor com ternura

elsa nyny disse...

Convido-te a juntares as tuas mãos por uma NOBRE CAUSA - http://eu-estou-aki.blogspot.com -

bj

Paula Raposo disse...

Ainda de férias meu querido?! Beijos.

ateu (ex-cristao) disse...

esse 1 dos lugares favoritos da elite vaticana... q faz votos de pobreza...
todos os cristaos são iguais ante deu$ mas algun$ são + iguai$ do q os outros...